Paranóia vem do grego para (que significa além, ou ao lado) e noos (que quer dizer mente), termo grego para retratar uma forma de loucura.

Na realidade, trata-se de um distúrbio mental que provoca uma suspeita extremamente amplificada ou infundada; ou seja, é uma referência direta à desconfiança patológica.

O paranóico é identificado por ter uma desconfiança generalizada em relação às pessoas e acreditam firmemente que elas querem explorá-lo, ferí-lo ou enganá-lo, mesmo que não haja nenhum indício para isso.

Duvidam fixamente da lealdade dos amigos e percebem o mundo como um lugar ameaçador. Vivem sempre vigilantes, buscando repetitivamente sinais de qualquer ameaça.

Sendo assim, devido a desconfiança permanente, o paranóico suspeita de todos, sem exceção. E por consequência apresentam um comportamento hostil e hipersensível, reclamam e provocam controvérsias com frequência, são irredutíveis, rígidos, frios, distantes, indiferentes, insensíveis e se afastam de qualquer relacionamento interpessoal.

Além de se ofender sem motivo, existe um ressentimento intransigente e implacável diante das ofensas, insultos, difamações ou mal-entendidos.

Outro sintoma inconfundível da paranóia é o fato da pessoa alimentar um sólido orgulho de serem objetivos e bastante racionais.

Resposta escrita pelo Vidente Clayton  José Clayton Donizetti Vieira  |     22/01/2017 - 15:21:14 hs.  |   Respostas de natureza metafísica, científica e esotérica  6º resposta

Próxima pergunta  Próxima Pergunta:

O que é Exorcismo?

Lista completa de perguntas  Acessar a Lista completa de Respostas